Deivid Silva - Rip Curl Pro Junior Series Mar del Plata 2015

Deivid Silva – Rip Curl Pro Junior Series Mar del Plata 2015. Foto: Rodrigo Mairal

Os brasileiros se destacaram na abertura do Rip Curl Pro Junior Series Mar del Plata na Argentina. Entre os dezesseis classificados nas duas rodadas realizadas na segunda-feira, quatorze são do Brasil, com apenas um do Peru e um dos Estados Unidos também passando para disputar vagas para as quartas de final em Mar del Plata. O defensor do título sul-americano e líder no ranking 2015 da categoria para surfistas com até 20 anos de idade, Deivid Silva, começou com vitória e o peruano Alonso Correa fez a melhor apresentação na primeira fase, mas na segunda o brasileiro Victor Bernardo bateu todos os recordes nas ondas da Playa Biologia. A estreia das meninas na segunda seletiva sul-americana para o Mundial Pro Junior da World Surf League ficou para abrir a terça-feira, quando também começa a primeira etapa do WSL Qualifying Series na América do Sul esse ano, o QS 1500 Rip Curl Pro Argentina.

“As ondas mudaram bastante durante o dia, como o clima aqui, mas consegui surfar em bom nível para passar pelas duas fases”, disse Deivid Silva, que venceu o primeiro Rip Curl Pro Junior Series deste ano em San Bartolo, no Peru. “Todos os competidores mostraram um nível excelente e foi preciso fazer uma boa estratégia para passar as baterias. Mar del Plata sempre nos recebe muito bem e aproveito a oportunidade para agradecer a todos do Brasil”.

O Rip Curl Pro Junior Series Mar del Plata começou com 64 surfistas de seis países, divididos em dezesseis baterias. Eram quarenta brasileiros, doze argentinos, sete peruanos, três chilenos, um equatoriano e um norte-americano. O atual campeão sul-americano e líder do ranking do WSL South America Pro Junior Series 2015, Deivid Silva, venceu a primeira bateria do dia e depois passou em segundo lugar no confronto verde-amarelo que abriu a segunda fase, vencido pelo também paulista Weslley Dantas. O campeão sul-americano Pro Junior de 2013, Luan Wood, também reforçou o domínio brasileiro na Argentina.

Na rodada inicial, o Brasil conquistou 21 classificações com onze vitórias. Metade dos argentinos também avançou e Julian Iturralde festejou a primeira das duas vitórias dos surfistas locais na segunda-feira. Ele acabou eliminando um forte concorrente aos títulos nas seletivas sul-americanas da WSL South America, o peruano Juninho Urcia. Para compensar esta perda, Alonso Correa derrotou três brasileiros com os recordes da primeira fase, nota 8,0 e 15,25 pontos, venceu também sua segunda bateria e é o único peruano entre os 16 que passaram para a terceira fase.

“Hoje (segunda-feira) eu tive um bom dia de competição e estou muito feliz em voltar a Mar del Plata”, disse o peruano Alonso Correa, após vencer a sua segunda bateria na Argentina. “Na minha primeira bateria eu competi muito bem e consegui notas 8,00 e 7,25 nas minhas duas melhores ondas. Na segunda, o mar não estava tão bom como pela manhã, mas também consegui achar boas ondas para passar para a próxima fase. Eu também vou participar da etapa do QS aqui e estou com grande expectativa para os próximos dias”.

Além dele, mais dois peruanos, um chileno e o único norte-americano, Nic Hdez, completaram a relação dos 32 que disputaram a segunda fase da competição. Foi aí que a superioridade dos brasileiros nesta categoria para surfistas com até 20 anos foi confirmada. Os argentinos e o único chileno saíram da briga pelo título do Rip Curl Pro Junior Series Mar del Plata. Dois peruanos também foram barrados, mas Alonso Correa comemorou mais uma vitória nas ondas da Playa Biologia.

O norte-americano Nic Hdez foi o outro único que escapou do massacre verde-amarelo, com o paulista Victor Bernardo estabelecendo novos recordes para o campeonato com as notas 8,90 e 8,50 que somou no placar de 17,40 pontos de 20 possíveis. Essas são as marcas a serem batidas no restante da seletiva Pro Junior masculina, que tem prazo para ser encerrada até sexta-feira na Argentina.

PRO JUNIOR FEMININO – A terça-feira será iniciada com a primeira fase feminina do Rip Curl Pro Junior Series Mar del Plata, com as dezesseis meninas já disputando classificação para as quartas de final. Assim como no masculino, a atual campeã sul-americana Miluska Tello foi escalada na primeira bateria e também vai defender a liderança do ranking na Argentina. Serão seis argentinas disputando o primeiro título Pro Junior em casa contra seis brasileiras, três peruanas e uma competidora do Chile nesta segunda seletiva sul-americana da WSL South America patrocinada pela Rip Curl.

“É uma grande honra para nós, na Argentina, receber a todos os surfistas que vieram ao nosso país de várias partes da América Latina e do mundo”, disse Freddy Tortora, presidente da ASA, Associação de Surf da Argentina. “Tivemos um primeiro dia de competição que não foi muito bom para os nossos surfistas, argentinos, mas a alegria é igual por esta grande festa do surfe em Mar del Plata. Amanhã (terça-feira), as surfistas da Argentina vão competir e estamos muito confiantes nelas”.

QS 1500 NA ARGENTINA – Após a estreia das meninas, começa a primeira etapa do World Surf League Qualifying Series na América do Sul este ano, com mais de 100 surfistas de 13 países se inscrevendo para disputar os 1.500 pontos da vitória no QS 1500 Rip Curl Pro Argentina. O prazo deste evento que também abre a corrida pelo título sul-americano profissional da WSL South America vai até o Domingo de Páscoa, 5 de abril. No ano passado, o brasileiro Alex Ribeiro venceu em Mar del Plata e terminou a temporada consagrado como campeão sul-americano profissional de 2014.

O Rip Curl Pro Junior Series Mar del Plata e o QS 1500 Rip Curl Pro Argentina serão transmitidos ao vivo na internet pelo www.ripcurlproargentina.com

TERCEIRA FASE DO RIP CURL PRO JUNIOR SERIES MAR DEL PLATA:

———–1.o e 2.o=Quartas de Final / 3.o=9.o lugar (US$ 300 e 300 pts) / 4.o=13.o (US$ 200 e 280 pts):

1.a: Weslley Dantas (BRA), Lucas Silveira (BRA), Marcos Correa (BRA), Alcides Lopes (BRA)

2.a: Victor Bernardo (BRA), Deivid Silva (BRA), Gabriel André (BRA), Igor Moraes (BRA)

3.a: Pedro Neves (BRA), Luan Wood (BRA), Alonso Correa (PER), Renan Peres (BRA)

4.a: Tales Araujo (BRA), Nic Hdez (EUA), Deyvson Santos (BRA), Nathan Kawani (BRA)

PRIMEIRA FASE FEMININA DO RIP CURL PRO JUNIOR SERIES MAR DEL PLATA:

———–1.a e 2.a=Quartas de Final / 3.a=9.o lugar com 300 pontos / 4.a=13.o lugar com 280 pts:

1.a: Miluska Tello (PER), Yohana Sarandini (BRA), Dominik Pupo (BRA), Lucia Indurain (ARG)

2.a: Josefina Ane (ARG), Vania Torres (PER), Marina Rezende (BRA), Evelyn Gontier (ARG)

3.a: Melanie Giunta (PER), Lucia Cosoleto (ARG), Julia dos Santos (BRA), Catalina Mercere (ARG)

4.a: Lorena Fica (CHL), Luara Thompson (BRA), Karol Ribeiro (BRA), Abril Solis (ARG)

RESULTADOS DA SEGUNDA-FEIRA NA PLAYA BIOLOGIA EM MAR DEL PLATA:

SEGUNDA FASE MASCULINA – 3.o=17.o lugar com 200 pontos / 4.o=25.o lugar com 185 pontos:

1.a: 1-Weslley Dantas (BRA), 2-Deivid Silva (BRA), 3-Gustavo Ramos (BRA), 4-Arthur Alves (BRA)

2.a: 1-Marcos Correa (BRA), 2-Igor Moraes (BRA), 3-Raul Reis (BRA), 4-Lucca Saldivar (PER)

3.a: 1-Victor Bernardo (BRA), 2-Lucas Silveira (BRA), 3-Douglas Silva (BRA), 4-Victor Mendes (BRA)

4.a: 1-Gabriel André (BRA), 2-Alcides Lopes (BRA), 3-Wallace Junior (BRA), 4-Sebastian Ventura (ARG)

5.a: 1-Pedro Neves (BRA), 2-Nic Hdez (EUA), 3-Roberto Araki (CHL), 4-Julian Iturralde (ARG)

6.a: 1-Alonso Correa (PER), 2-Nathan Kawani (BRA), 3-Edher Reis (BRA), 4-Facundo Arreyes (ARG)

7.a: 1-Tales Araujo (BRA), 2-Luan Wood (BRA), 3-Tomas Lopes Moreno (ARG), 4-Felipe Suarez (ARG)

8.a: 1-Deyvson Santos (BRA), 2-Renan Peres (BRA), 3-Tyron Gonzalez (ARG), 4-Sebastian Correa (PER)

PRIMEIRA FASE – 1.o e 2.o=Segunda Fase / 3.o=33.o lugar com 120 pontos / 4.o=49.o lugar com 110 pts:

1.a: 1-Deivid Silva (BRA), 2-Marcos Correa (BRA), 3-Joaquin Del Castillo (PER), 4-Salvador Valdez (ARG)

2.a: 1-Weslley Dantas (BRA), 2-Lucca Saldivar (PER), 3-Lucca Mesinas Novaro (PER), 4-Pedro Nogueira (BRA)

3.a: 1-Igor Moraes (BRA), 2-Gustavo Ramos (BRA), 3-Tomas Emilio (BRA), 4-Rhamon Austin (BRA)

4.a: 1-Raul Reis (BRA), 2-Arthur Alves (BRA), 3-Gabriel Medeiros (BRA), 4-Aurelio Prieto (EQU)

5.a: 1-Lucas Silveira (BRA), 2-Wallace Junior (BRA), 3-Derek Marcio (BRA), 4-Matias Canto (ARG)

6.a: 1-Victor Mendes (BRA), 2-Sebastian Ventura (ARG), 3-Adrian Garcia (PER), 4-Gustavo Borges (BRA)

7.a: 1-Alcides Lopes (BRA), 2-Douglas Silva (BRA), 3-Ian Tavares (BRA), 4-Wesley Leite (BRA)

8.a: 1-Gabriel André (BRA), 2-Victor Bernardo (BRA), 3-Tobias Ortells (ARG), 4-Ignacio Gudensen (ARG)

9.a: 1-Julian Iturralde (ARG), 2-Nathan Kawani (BRA), 3-Juninho Urcia (PER), 4-Kadu Medeiros (BRA)

10: 1-Nic Hdez (EUA), 2-Edher Reis (BRA), 3-Leonardo Guimarães (BRA), 4-Esteban Cross (CHL)

11: 1-Alonso Correa (PER), 2-Pedro Neves (BRA), 3-Kim Marcondes (BRA), 4-Carlos Reynaud (BRA)

12: 1-Facundo Arreyes (ARG), 2-Roberto Araki (CHL), 3-Philippe Chagas (BRA), 4-Mateus Herdy (BRA)

13: 1-Luan Wood (BRA), 2-Deyvson Santos (BRA), 3-Maruan Farah (BRA), 4-Martin Capriglioni (ARG)

14: 1-Tales Araujo (BRA), 2-Tyron Gonzalez (ARG), 3-Jorge Soto (CHL), 4-Rafael da Mata (BRA)

15: 1-Sebastian Correa (PER), 2-Tomas Lopez Moreno (ARG), 3-Anderson Junior (BRA), 4-Joaquin Juarez (ARG)

16: 1-Renan Peres (BRA), 2-Felipe Suarez (ARG), 3-Luy Arman (BRA), 4-Jean Pierre Quiroz (BRA)

Por: João Carvalho – Assessoria de Imprensa da WSL South America – jcarvalho@worldsurfleague.com

Aloha!

Share on Facebook

Notícias Relacionadas

Tags