O Ika Moana é formado por dez amigas que acreditam no surf como ideologia

O Ika Moana é formado por dez amigas que acreditam no surf como ideologia. Foto: Divulgação

Mais que um esporte o surf pode sim, ser um estilo, uma ideologia.  É o que defende o grupo de meninas Ika Moana, que promove o surf feminino como estilo de vida.

O projeto começou em março de 2012, o grupo é formado por dez meninas do Ceará, que defendem o surf não necessariamente como um esporte.

O nome do grupo vem de origem maori, idioma que se usa em uma tribo nativa da Nova Zelândia. Ika Moana quer dizer conexão com o oceano, proteção dos ventos, companheirismo e amizade, mais ou menos a essência do grupo das meninas.

SurfinSantos Ika Moana 3Elas se conheceram em uma viagem à Praia da Pipa e criaram o Ika Moana, que tem como principal função divulgar o estilo do surf feminino.

Era só uma viagem de amigas mesmo, mas acabou que a gente começou a ver que poderia ir além do que imaginava, quando pensou no Ika Moana. – Dandara Borges, integrante do grupo

Não demorou muito para que as meninas ganhassem patrocínio, então elas fizeram alguns materiais, blusas e até um vídeo de divulgação do surf feminino independente de competição. As meninas afirmam que o intuito do grupo é divulgar o surf na modalidade feminina.

Apenas uma das integrantes do Ika Moana participa de competições. Diana Serrano, que há 2 anos corre em provas locais. Apesar de competir, ela garante que o grupo está sempre focado na ideologia e não na competitividade.

Gosto de estar competindo porque me sinto mais envolvida com o surfe. Diferente das meninas e do grupo, tenho meus próprios patrocinadores. (…) Mas acredito que o surfe envolve muito mais a amizade, além das competições – Diana Serrano

O grupo é fechado e as meninas não adotam novas integrantes, isso porque o que ela pretendem é que as interessadas comecem a criar os próprios grupos, para que haja vários grupos de surf feminino pelo Brasil.

Hoje em dia o Ika Moana está sem patrocínio e desfalcado, isso porque três das integrantes estão fora do país, em intercâmbio.

Elas agora aguardam uma nova oportunidade de continuar o projeto, com a ajuda de um novo patrocinador.

Aloha!

Share on Facebook

Notícias Relacionadas

Tags