A Tribuna Surf Colegial 2015

Quando se fala em surf no Brasil, Guarujá sempre é lembrada. A cidade possui praias excelentes para a prática do esporte e foi onde o atual número 1 do Mundo, Adriano de Souza, o Mineirinho, aprendeu a pegar ondas. Também é “palco” de grandes campeonatos e hoje um dos locais com maior concentração de escolinhas de formação de atletas na modalidade.

Presente em quase todas as edições nessas duas décadas, as ondas guarujaenses receberão o histórico 20º A Tribuna de Surf Colegial, confirmado para os dias 27 e 28 de junho, na Praia do Tombo. O presidente da TV Tribuna, Roberto Clemente Santini, idealizador do evento, hoje referência em todo o Brasil, se reuniu com a prefeita Maria Antonieta de Brito, para formalizar a nova parceria, com a Prefeitura sendo patrocinadora oficial.

No encontro, Roberto destacou que o evento já está consolidado com a revelação, incentivo e “formação” de dezenas de atletas. O principal, sem dúvida, o atual líder do Circuito Mundial WCT, Adriano de Souza, o Mineirinho, que teve a sua primeira vitória justamente nessa competição. “É um momento até de orgulho e felicidade para todos nós”, argumentou.

Jadson André, hoje também na elite mundial, é mais um destaque que passou pelo A Tribuna (quando morou em Guarujá). Outros exemplos são Jessé Mendes, Heitor Pereira, Alex Ribeiro, David do Carmo, Sidney Guimaraes, Claudia Gonçalves, Nathan e Kaena Brandi, Gisele Garcia, Caio Ibelli, Wesley Moraes, Junior Faria, Edgard Groggia, Marcos Correa e Vitor Mendes.

“São 20 anos de um projeto que já podemos comemorar como vitorioso, pois vários atletas entenderam a importância do esporte como qualidade de vida, sem deixar de estudar, mantendo os estudos, que é cada vez mais importante. Essa é a grande mensagem”, disse Santini.

Ele lembra que o A Tribuna Colegial garantiu vários avanços, como a melhoria da imagem da modalidade, ligada agora à educação, e o investimento de escolas particulares em bolsas de estudos aos atletas que se destacaram. “São dezenas de jovens que ganharam bolsas”, argumentou.

Para ele, além de garantir disputas de alto nível, o campeonato é consideramos a “porta de entrada” de vários meninos que estão querendo começar e se sentem mais à vontade. “Não imaginávamos essa proporção que o campeonato tomaria”, ressaltou Roberto Santini, que tem história no surf e, em especial, com Guarujá, com a realização,  ainda na década de 80, de dois eventos de porte nacional na cidade, o Tribuna Niasi (1988) e depois o Tribuna Costa Sudeste (89).

“Guarujá é a Surf City da nossa região, com as praias mais belas. Temos a Praia do Tombo, que é um exemplo para todo o Brasil, com a sua bandeira azul. Estamos muito felizes de estar nesses 20 anos de campeonato no Guarujá e agradecemos a prefeita Maria Antonieta, que com grande visão de esporte, de qualidade de vida, está no evento. São vários meninos da Cidade que participam e isso incentiva cada vez mais. Está de parabéns”, enalteceu Roberto Clemente Santini.

A prefeita, por sua vez, manifestou a felicidade de Guarujá por participar desse importante evento esportivo, que também tem cunho social, por estar ligado aos estudos. “Foi um desejo assim que iniciamos o primeiro mandato de trazer de volta o Surf Colegial para a nossa cidade. Estamos muito felizes. É sempre bom receber a marca do Sistema A Tribuna divulgando a nossa Cidade, bom ter competições de altíssimo nível como essa e estimular jovens estudantes”, anunciou.

Assim como Roberto, ela enalteceu a iniciativa das escolas particulares oferecendo bolsas de estudos a atletas que se destacam e ganham a oportunidade de seguir estudando. “As nossas escolas particulares se envolvem e o jovem que compete acaba tendo um futuro acadêmico importante”, falou Maria Antonieta.

Ela também evidenciou o selo internacional Bandeira Azul da praia sede do evento e a disposição natural da Cidade com o surf. “Temos o maior número de escolas de surf, de atletas competindo e Guarujá mais uma vez será palco do Surf Colegial, na praia do Tombo, que é nosso ícone em termos de qualidade turística ambiental, a única praia da América Latina que possui essa certificação pelo quinto ano consecutivo”, elogiou.

“A nossa vocação esportiva no Guarujá é ligada umbilicalmente à questão do surf. Ficamos felizes porque é um caminho alternativo para o jovem de profissionalização. Hoje eles percebem que o surf não é um esporte como tempos atrás, extremamente estigmatizado. Praticar o surf é uma condição que dá ao jovem o respeito. Nós torcemos muito pelo Gabriel Medina e agora fortemente pelo Mineirinho”, revelou a prefeita.

Inscrições começam no dia 1º de junho

O 20º A Tribuna de Surf Colegial definirá os campeões 2015 em etapa única, nas categorias iniciante (até 14 anos), mirim (no máximo 16 anos), júnior e feminina (ambas com limite de 18 anos), além do título por equipes, com os atletas somando pontos para as suas escolas. Outra atração será o Desafio Tri FM/AntiQueda Universitário, para a categoria masculina, realizado pelo terceiro ano e dando continuidade ao incentivo aos estudos dos alunos revelados no Colegial.

As inscrições começam no dia 1º de junho e seguem abertas até o dia 25, na Rua João Pessoa, 129, 8º andar, no Centro de Santos, de segunda a sexta-feira, das 10 às 12h e das 14 às 17h. A taxa será de R$ 30,00 e os atletas deverão apresentar o RG escolar ou atestado de matricula (ambos originais) par ao ano letivo de 2015, além de documento de identidade ou certidão de nascimento.

Mais informações pelo telefone (13) 2102.7164 ou pelo e-mail atendimento@triesportes.com.br.

(FMA Notícias)

Aloha!

Share on Facebook

Notícias Relacionadas

Tags